Como Abrir Conta Para Comprar Criptomoedas Passo a Passo

Se você é novo no mundo das criptomoedas, descobrir como comprar Bitcoin, Dogecoin, Ethereum e outras criptomoedas pode ser confuso no começo. Felizmente, é muito simples aprender as cordas. Você pode começar a investir em criptomoeda seguindo estes cinco passos fáceis.

1. Escolha uma corretora ou exchange de criptomoedas

Para comprar criptomoeda, primeiro você precisa escolher um corretor ou uma exchange de criptomoedas. Embora qualquer um dos dois permita que você compre criptomoedas, há algumas diferenças importantes entre eles a serem lembrados.

O que é uma troca de criptomoedas?

Uma bolsa de criptomoedas é uma plataforma onde compradores e vendedores se encontram para negociar criptomoedas. As exchanges geralmente têm taxas relativamente baixas, mas tendem a ter interfaces mais complexas com vários tipos de negociação e gráficos de desempenho avançados, o que pode torná-las intimidadoras para novos investidores de criptomoedas.

Algumas das exchanges de criptomoedas mais conhecidas são Coinbase, Gemini e Binance.US. Embora as interfaces de negociação padrão dessas empresas possam sobrecarregar os iniciantes, principalmente aqueles sem histórico de negociação de ações, elas também oferecem opções de compra fáceis e fáceis de usar.

A conveniência tem um custo, no entanto, já que as opções para iniciantes cobram substancialmente mais do que custaria comprar a mesma criptomoeda por meio da interface de negociação padrão de cada plataforma.

Para economizar nos custos, você pode aprender o suficiente para utilizar as plataformas de negociação padrão antes de fazer sua primeira compra de criptomoedas – ou não muito tempo depois.

Uma observação importante: como alguém novo em criptografia, você deve certificar-se de que sua bolsa ou corretora de escolha permite transferências de moeda fiduciária e compras feitas com dólares americanos.

Algumas exchanges só permitem que você compre criptomoedas usando outra criptomoeda, o que significa que você teria que encontrar outra exchange para comprar os tokens que sua exchange preferida aceita antes de começar a negociar criptomoedas nessa plataforma.

O que é um corretor de criptomoedas?

Os corretores de criptomoedas eliminam a complexidade da compra de criptomoedas, oferecendo interfaces fáceis de usar que interagem com as exchanges para você. Alguns cobram taxas mais altas do que as trocas.

Outros afirmam ser “gratuitos” enquanto ganham dinheiro vendendo informações sobre o que você e outros traders estão comprando e vendendo para grandes corretoras ou fundos ou não executando sua negociação ao melhor preço de mercado possível. Robinhood e SoFi são dois dos corretores de criptomoedas mais conhecidos.

Embora sejam inegavelmente convenientes, você precisa ter cuidado com os corretores, pois pode enfrentar restrições ao mover suas participações de criptomoedas para fora da plataforma.

Na Robinhood e na SoFi, por exemplo, você não pode transferir suas participações criptográficas de sua conta. Isso pode não parecer um grande negócio, mas os investidores avançados em criptomoedas preferem manter suas moedas em carteiras de criptomoedas para segurança extra.

Alguns até escolhem carteiras de criptografia de hardware que não estão conectadas à Internet para ainda mais segurança.

2. Crie e verifique sua conta

Depois de decidir sobre um corretor ou troca de criptomoedas, você pode se inscrever para abrir uma conta. Dependendo da plataforma e do valor que você planeja comprar, pode ser necessário verificar sua identidade.

Essa é uma etapa essencial para evitar fraudes e atender aos requisitos regulatórios federais.

Você pode não conseguir comprar ou vender criptomoedas até concluir o processo de verificação. A plataforma pode solicitar que você envie uma cópia de sua carteira de motorista ou passaporte, e você pode até ser solicitado a enviar uma selfie para provar que sua aparência corresponde aos documentos enviados.

3. Depositar dinheiro para investir

Para comprar criptomoedas, você precisa ter fundos em sua conta. Você pode depositar dinheiro em sua conta criptográfica vinculando sua conta bancária, autorizando uma transferência eletrônica ou até mesmo fazendo um pagamento com cartão de débito ou crédito.

Dependendo da bolsa ou corretora e do seu método de financiamento, você pode ter que esperar alguns dias antes de poder usar o dinheiro depositado para comprar criptomoeda.

Aqui está um grande comprador, cuidado: embora algumas exchanges ou corretoras permitam que você deposite dinheiro com cartão de crédito, fazer isso é extremamente arriscado e caro.

As empresas de cartão de crédito processam compras de criptomoedas com cartões de crédito como adiantamentos em dinheiro. Isso significa que eles estão sujeitos a taxas de juros mais altas do que as compras regulares e você também terá que pagar taxas adicionais de adiantamento em dinheiro.

Por exemplo, você pode ter que pagar 5% do valor da transação quando fizer um adiantamento em dinheiro. Isso se soma a quaisquer taxas que sua corretora ou corretora de criptomoedas possa cobrar; eles podem chegar a 5%, o que significa que você pode perder 10% de sua compra de criptografia para taxas.

4. Faça seu pedido de criptomoeda

Quando houver dinheiro em sua conta, você estará pronto para fazer seu primeiro pedido de criptomoeda. Existem centenas de criptomoedas para escolher, desde nomes conhecidos como Bitcoin e Ethereum até criptos mais obscuras como Theta Fuel ou Holo.

Ao decidir qual criptomoeda comprar, você pode inserir seu símbolo – Bitcoin, por exemplo, é BTC – e quantas moedas você gostaria de comprar. Com a maioria das exchanges e corretores, você pode comprar ações fracionárias de criptomoeda, permitindo que você compre uma porção de tokens de alto preço, como Bitcoin ou Ethereum, que de outra forma levariam milhares para possuir.

5. Selecione um método de armazenamento

As exchanges de criptomoedas não são apoiadas por proteções como a Federal Deposit Insurance Corp. (FDIC) e correm o risco de roubo ou hacking.

Você pode até perder seu investimento se esquecer ou perder os códigos para acessar sua conta, como milhões de dólares de Bitcoin já foram. É por isso que é tão importante ter um local de armazenamento seguro para suas criptomoedas.

Conforme observado acima, se você estiver comprando criptomoeda por meio de um corretor, poderá ter pouca ou nenhuma escolha sobre como sua criptomoeda é armazenada. Se você comprar criptomoeda por meio de uma exchange, terá mais opções:

Deixe a criptomoeda na bolsa. Quando você compra criptomoeda, ela normalmente é armazenada em uma chamada carteira criptográfica anexada à bolsa.

Se você não gostar do provedor com o qual seus parceiros de troca ou quiser movê-lo para um local mais seguro, poderá transferi-lo da troca para uma carteira quente ou fria separada.

Dependendo da troca e do tamanho da sua transferência, você pode ter que pagar uma pequena taxa para fazer isso.

Carteiras quentes. São carteiras de criptomoedas armazenadas online e executadas em dispositivos conectados à Internet, como tablets, computadores ou telefones.

As carteiras quentes são convenientes, mas há um risco maior de roubo, pois ainda estão conectadas à Internet.

Carteiras frias. As carteiras de criptomoedas frias não estão conectadas à Internet, tornando-as sua opção mais segura para manter criptomoedas. Eles assumem a forma de dispositivos externos, como uma unidade USB ou um disco rígido.

No entanto, você precisa ter cuidado com carteiras frias - se perder o código-chave associado a elas ou o dispositivo quebrar ou falhar, talvez nunca consiga recuperar sua criptomoeda.

Embora o mesmo possa acontecer com certas carteiras quentes, algumas são administradas por custodiantes que podem ajudá-lo a voltar à sua conta se você for bloqueado.

Maneiras alternativas de comprar criptomoeda

Embora a compra de criptomoeda seja uma grande tendência no momento, é uma escolha de investimento volátil e arriscada. Se investir em criptomoedas em uma bolsa ou através de um corretor não parece a escolha certa para você, aqui estão algumas opções para investir indiretamente em Bitcoin e outras criptomoedas:

1. Aguarde os fundos negociados em bolsa de criptomoedas (ETFs)

Os ETFs são ferramentas de investimento extremamente populares que permitem comprar exposição a centenas de investimentos individuais de uma só vez. Isso significa que eles fornecem diversificação imediata e são menos arriscados do que investir em investimentos individuais.

Há um enorme apetite por ETFs de criptomoedas, o que permitiria investir em muitas criptomoedas de uma só vez. Ainda não há ETFs de criptomoedas disponíveis para investidores comuns, mas pode haver alguns em breve.

Em junho de 2021, a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) está analisando três aplicativos de ETF de criptomoeda da Kryptcoin, VanEck e WisdomTree.

2. Invista em Empresas Conectadas à Criptomoeda

Se você preferir investir em empresas com produtos ou serviços tangíveis e que estão sujeitas à supervisão regulatória – mas ainda deseja exposição ao mercado de criptomoedas – você pode comprar ações de empresas que usam ou possuem criptomoedas e o blockchain que as alimenta.

Você precisará de uma conta de corretagem online para comprar ações de empresas públicas como:

Nvidia (NVDA). Essa empresa de tecnologia projeta e vende unidades de processamento gráfico, que estão no centro dos sistemas usados ​​para minerar criptomoedas.

PayPal (PYPL). Já uma escolha popular para pessoas que compram itens online ou transferem dinheiro para familiares e amigos, essa plataforma de pagamentos foi recentemente expandida para permitir que os clientes comprem e vendam criptomoedas selecionadas com suas contas do PayPal e Venmo.

Quadrado (SQ). Este provedor de serviços de pagamento para pequenas empresas comprou mais de US$ 220 milhões em Bitcoin desde outubro de 2020. Em fevereiro de 2021, a empresa divulgou que o Bitcoin representava cerca de 5% do caixa em seu balanço. Além disso, o Cash App da Square permite que as pessoas comprem, vendam e armazenem criptomoedas.

Como em qualquer investimento, certifique-se de considerar suas metas de investimento e situação financeira atual antes de investir em criptomoedas ou empresas individuais que tenham uma grande participação nela. A criptomoeda pode ser extremamente volátil – um único tweet pode fazer seu preço cair – e ainda é um investimento muito especulativo. Isso significa que você deve investir com cuidado e cautela.